sexta-feira, 22 de julho de 2011

Você sabia ...



Algumas curiosidades dos filmes dos irmãos Coen


GOSTO DE SANGUE

O título original de Gosto de Sangue (Blood Simple) é uma expressão que designa o estudo da mente de alguém que acabou de cometer um crime.

Gosto de Sangue foi o filme de estréia de Joel Coen como diretor.

Joel e Ethan Coen trabalham também como editores de Gosto de Sangue usando o pseudônimo Roderick Jaynes.

A atriz Holly Hunter foi convidada para trabalhar em Gosto de Sangue. Acabou desistindo e indicou Frances McDormand para o papel. Detalhe: hoje Frances é casada com Joel Coen.

O hoje clássico Gosto de Sangue foi refilmado em 2009 pelo cineasta chinês Zhang Yimou, com o título de San Qiang Pai an Jing Qi.


ARIZONA NUNCA MAIS

Barry Sonnenfeld (diretor de A Família Adams e Homens de Preto) foi diretor de fotografia de Arizona Nunca Mais.


BARTON FINK - DELÍRIOS DE HOLLYWOOD

O roteiro de Barton Fink foi escrito por Joel e Ethan durante um bloqueio criativo na elaboração de Ajuste Final.

Barton Fink foi o primeiro filme da história a ganhar os três principais prêmios do Festival de Cannes, sendo que a Palma de Ouro foi uma escolha unânime do júri.


FARGO

As filmagens das cenas externas de Fargo tiveram que ocorrer em vários lugares diferentes em Minnesota, na Dakota do Norte e no Canadá, pois como a primavera estava se aproximando a neve dos locais de filmagens estavam começando a derreter.

Apesar de afirmar que é baseada numa história verídica, a trama de Fargo foi na verdade elaborada pelos próprios irmãos Coen. Ou seja, é uma ficção.


O GRANDE LEBOWSKI

Várias das roupas usadas por Jeff Bridges em cena são suas.

O roteirista Charlie Kaufman aparece em uma ponta, durante a cena de dança interpretativa, como um integrante do público no teatro. No roteiro de Quero Ser John Malkovich (1999), de autoria de Kaufman, também há uma cena de dança interpretativa.

A expressão "Dude" é dita 161 vezes ao longo do filme O Grande Lebowski.

A palavra "fuck" e suas variações são ditas 292 vezes ao longo do filme O Grande Lebowski.

O personagem de Jeff Bridges diz "Man" 147 vezes no filme O Grande Lebowski.

O personagem de Jeff Bridges toma nove drinks ‘White Russian’ ao longo do filme.


ONDE OS FRACOS NÃO TEM VEZ

O título original de Onde os Fracos Não Tem Vez (No Country for Old Men) é baseado num poema de W.B. Yeats.

Heath Ledger chegou a negociar sua participação no filme, mas decidiu abrir mão dele para poder descansar um pouco.

Segundo Tommy Lee Jones os irmãos Coen queriam rodar o filme inteiramente no Novo México, devido aos impostos do estado, mas ele os convenceu a realizarem as filmagens no Texas.


QUEIME DEPOIS DE LER

Os irmãos Coen escreveram o roteiro de Queime Depois de Ler no mesmo período em que prepararam o de Onde os Fracos Não Têm Vez (2007), seu filme anterior.

A palavra "fuck" é dita 60 vezes no decorrer do filme, sendo dita 6 vezes logo nos dois minutos iniciais.

2 comentários:

  1. Que deja-vu para mim, pois eu ja sei tudo sobre isso. Confiram no meu blog amigos

    ResponderExcluir
  2. PS: Estou na contagem regressiva para o curso.

    ResponderExcluir